Na manhã desta quinta feira (30) a PRF atuou em conjunto com fiscais do município para a interdição da madeireira (situada no município de Bituruna/PR).

A madeireira já havia sido interditada anteriormente pela equipe da vigilância sanitária, mas o proprietário descumpriu a interdição e continuou com a produção, não fazendo as adequações exigidas referentes tanto à situação sanitária quanto de segurança dos funcionários.

Nesta mesma madeireira, neste mês, um menor de idade, que estava trabalhando de forma irregular, acabou sofrendo uma fratura e outro funcionário maior de idade teve um dedo amputado em uma das máquinas.

No local foi constatada que continua a situação precária de trabalho dos funcionários devido à falta de EPI’s e também pelo fato das máquinas não possuirem sistemas de proteção para evitar acidentes.

Durante a interdição o proprietário não estava presente e, por telefone, recusou-se comparecer ao local, sendo representado pelo gerente da madeireira. 

No período da tarde, após a conclusão da interdição e deslocamento da PRF, o proprietário da empresa interditada foi até a prefeitura, desacatou e ameaçou o fiscal responsável pela interdição. Foi lavrado boletim de ocorrência na Polícia Civil pelo desacato e ameaça.