Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Slider

Prudentópolis - 51 famílias serão beneficiadas com o saneamento rural em Marcondes 2° Linha

Início da obra 51 famílias serão beneficiadas com o saneamento rural em Marcondes 2° Linha A prefeitura municipal de Prudentópolis, através da secretaria de Meio Ambiente, deu início às obras de saneamento rural na comunidade de Marcondes 2° Linha. A obra possui aproximadamente 7 Km de rede e vai beneficiar 51 famílias. A administração municipal pede a atenção e colaboração de todos que trafegam nesse asfalto que dá acesso a localidade de Tijuco Preto, que respeitem a sinalização, pois com a obra em andamento haverá transtornos na pista com máquinas e homens trabalhando. Fonte: Prefeitura de Prudentópolis

Copel se prepara para relicitação da usina Foz do Areia, em Pinhão

Esses compromissos foram direcionados pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior ao novo gestor da empresa A Copel prepara uma reserva de caixa para a relicitação da usina hidrelétrica Foz do Areia (Governador Bento Munhoz da Rocha Netto), principal ativo da companhia. A concessão se encerra em 2023 e a outorga mínima do leilão deve girar entre R$ 3 bilhões e R$ 4 bilhões. Com 1.667 megawatts (MW) de potência, a hidrelétrica localizada na cidade de Pinhão (centro-sul do Paraná) representa um terço de toda capacidade instalada da Copel. PRIMEIRA A barragem foi a primeira a ser construída no Brasil e a maior do mundo no gênero na época (1980), com 160 metros de altura e 828 metros de comprimento. Sua construção provocou a desativação da Usina Salto Grande do Iguaçu (1967 a 1979), primeiro aproveitamento energético do rio Iguaçu com 15,2 MW. De acordo com o presidente da Copel, Daniel Pimentel Slaviero, a preparação para a relicitação encontra respaldo no novo direcionamento da Copel, de concentrar esforços para gerar, transmitir, distribuir e comercializar energia, que compõem a base de sua operação comercial, e aumentar os investimentos no Paraná. Esses compromissos foram direcionados pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior ao novo gestor da empresa. OLHO NO FUTURO A Copel encerra neste primeiro semestre um ciclo de investimentos iniciado nos anos anteriores e prevê geração adicional de caixa de até R$ 450 milhões, recursos que vão reduzir o endividamento e serão retidos em caixa para a relicitação de Foz do Areia.A companhia programa investimentos de R$ 1,99 bilhão em 2019, 23% a menos que em 2018. Desse total, R$ 1,359 bilhão vão para a operação, sendo R$ 836 milhões para distribuição, R$ 233 milhões para geração e R$ 290 milhões para a Copel Telecom. O investimento em distribuição de energia para 2019 será histórico. “Com a transformação por que passa o segmento de distribuição na atualidade, o investimento em inovação é vital, voltado à construção da infraestrutura das futuras cidades inteligentes”, afirmou o presidente da Copel.Também estão preparados investimentos de R$ 292 milhões em obras de distribuição de energia no Sudoeste do Paraná, R$ 163 milhões para o programa Mais Clic Rural, R$ 297 milhões para obras de melhorias, expansão e manutenção nas redes de média tensão e R$ 196 milhões na linha de transmissão Curitiba Leste-Blumenau. A empresa também está se programa para os leilões de geração de energia A-4 e A-6, que fazem parte de um cronograma do Ministério de Minas e Energia (MME) e devem acontecer em junho e setembro.No braço de distribuição, a prioridade da Copel é zerar a diferença entre o Ebitda (resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização) realizado e o regulatório. Em 2018 a companhia realizou um Ebitda de R$ 800 milhões, 23% abaixo do regulatório, de R$ 1,043 milhão. Em 2016, a diferença foi de 86%. O Ebitda é o retorno que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) calcula para a distribuidora na revisão tarifária. Quando fica abaixo do valor determinado, significa que o retorno está menor do que poderia ser. LUCRO EM 2018 A Copel apresentou resultados econômicos sólidos no ano passado. Em seu balanço financeiro divulgado ao mercado na noite de quinta-feira (28), a companhia apresentou lucro líquido de R$ 1,444 bilhão, 29% a mais que em 2017. A geração de caixa da companhia em 2018 foi de R$ 3 bilhões. “Os bons números apresentados pela Copel e a disponibilidade para investimento neste ano, de R$ 1,993 bilhão, refletem um programa efetivo de redução de custos, melhoria de eficiência e rigorosa disciplina na alocação de capital”, destacou o presidente Daniel Slaviero. Fonte: GR Mais Noticias

Guarapuava - Domingo (31) teve a 7ª edição da Corrida da Mulher

Evento também teve caráter social. Os inscritos doaram uma caixa de bombom Para fechar as atividades do Mês da Mulher em Guarapuava, as secretarias de Esportes e Recreação e de Políticas para Mulheres promoveram a Corrida da Mulher 5S Angelica Federizzi. Na manhã ensolarada de domingo (31 de março), corredores e corredoras percorreram 4,4 km, com largada e chegada no Ginásio Joaquim Prestes. O evento também teve caráter social. Os inscritos doaram uma caixa de bombom. Toda a arrecadação será distribuída a crianças carentes durante a Páscoa. "Esse é um dos projetos transversais e que a cada ano fica melhor em termos de organização e participação. Vemos as mulheres vencendo seus desafios, seus tempos e isso nos motiva a continuar sempre a buscar projetos e eventos voltados às mulheres", destacou a secretária de Políticas para Mulheres, Priscila Schran. A Corrida Kids também vem sendo um diferencial nos eventos municipais. Após a premiação da Corrida da Mulher, a garotada se desafiou na pista municipal. O diferencial foi a participação dos meninos e meninas do projeto Escola de Campeões, da Secretaria de Esportes e Recreação. "Tivemos recorde de participação e, com isso, estamos alcançando nosso objetivo que é motivar as crianças a praticar esportes", disse o secretário Pablo de Almeida, ressaltando que a Corrida da Mulher é um sucesso devido às parcerias e trabalho em equipe. "Tudo aconteceu dentro do previsto, sem atrasos. A cada ano a equipe da secretaria vai se aperfeiçoando e os eventos vão ficando melhores. Agradecemos o apoio da Secretaria da Mulher e da Saúde, Polícia Militar e da Setran. Estamos muito felizes em ter iniciado esse projeto 7 anos atrás, com a ex-secretaria da Mulher, Eva Schran. Ano que vem será ainda melhor", finalizou. Os evento esportivos municipais motivam toda a família. Os Prestes, por exemplo, não perdem uma corrida. Os pais e os filhos curtiram muito a Corrida da Mulher. "Meu marido, Lino, começou a correr quatro anos atrás, me incentivou e eu comecei no ano passado. Com as corridas Kids, a Alice, 4 anos, e o Gustavo, 7, também estão participando. Torcemos muito uns pelos outros", falou a comerciante Kelly Prestes. Fonte: GR Mais Noticias

Estudantes podem pedir isenção no Enem a partir de hoje

Estudantes que atendem aos critérios podem solicitar o não pagamento na Página do Participante, na internet, até o dia 10 de abril Começa nesta segunda feira (01º de abril) o prazo para pedir isenção da taxa de inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Os estudantes que atendem aos critérios podem solicitar o não pagamento na Página do Participante, na internet, até o dia 10 de abril. A taxa do exame este ano é R$ 85.  Os estudantes isentos no ano passado que faltaram ao exame devem, no mesmo período, apresentar justificativa da ausência e solicitar novamente a isenção, caso desejem fazer as provas este ano.  Podem solicitar a isenção da taxa os estudantes que estão cursando a última série do ensino médio em 2019, em escola da rede pública; aqueles que cursaram todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada, com renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio, que em valores de 2019 equivale a R$ 1.497. São também isentos os participantes em situação de vulnerabilidade socioeconômica, ou seja, membros de família de baixa renda com Número de Identificação Social (NIS), único e válido, renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo, ou R$ R$ 499, ou renda familiar mensal de até três salários mínimos, ou R$ 2.994. PRAZOS O pedido de isenção e a apresentação de justificativas poderão ser feitos, conforme o edital do exame, a partir das 10h, no horário de Brasília, de hoje até as 23h59 do dia 10 de abril.  No dia 17 de abril, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) vai divulgar a lista, também no portal do Enem, daqueles cujo pedido foi aprovado.  Os participantes que forem reprovados poderão entrar com recurso, no período de 22 a 26 de abril, na Página do Participante. O resultado do recurso será divulgado, no mesmo endereço, a partir do dia 2 de maio. ENEM 2019 As inscrições para o Enem deverão ser feitas no período de 6 a 17 de maio. Os participantes que tiveram ou não a isenção aprovada também devem fazer a inscrição para participar do exame.  O Enem será aplicado nos dias 3 e 10 de novembro. No primeiro dia de prova, os participantes responderão a questões de linguagens e ciências humanas e farão a prova de redação. Para isso, terão 5 horas e 30 minutos. No segundo dia, os estudantes terão 5 horas para resolver as provas de ciências da natureza e matemática. Os gabaritos das provas objetivas serão divulgados no Portal do Inep e no aplicativo oficial do Enem até o dia 13 de novembro. O resultado será divulgado, conforme o edital, em data a ser divulgada posteriormente. As notas do Enem podem ser usadas para ingressar em instituição pública pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para obter bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superio pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e para obter financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Fonte: GR Mais Noticias

TCE-PR apura indícios de desvio de R$ 408,7 mil na construção de delegacia

A corte identificou indícios de desvio de recursos públicos na obra, realizada por meio de contrato firmado entre a autarquia e a Construtora Guetter Ltda O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), por meio de medida cautelar emitida pelo conselheiro Durval Amaral, ordenou que a Paraná Edificações suspenda imediatamente a realização de eventuais novos pagamentos pela construção da Delegacia Cidadã da Polícia Civil em Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba. A corte identificou indícios de desvio de recursos públicos na obra, realizada por meio de contrato firmado entre a autarquia e a Construtora Guetter Ltda. A medida foi provocada por Comunicação de Irregularidade feita pela Quarta Inspetoria de Controle Externo (4ª ICE) do TCE-PR - convertida em Tomada de Contas Extraordinária pela cautelar. O objetivo desse novo processo será confirmar os indícios de irregularidades, atribuir responsabilidades e impor sanções. O despacho, do dia 25 de março, foi homologado na sessão do Tribunal Pleno do TCE-PR desta quarta-feira (27). Com a suspensão, foi aberto prazo de 15 dias para que a Paraná Edificações, a Construtora Guetter e servidores da autarquia se manifestem sobre o caso. Os efeitos da medida perduram até que o TCE-PR decida sobre o mérito da questão. INDÍCIOS Segundo o despacho do conselheiro Durval Amaral, a 4ª ICE identificou três irregularidades na execução do Contrato nº 192/2016, cujo valor é de R$ 4.870.977,22. A primeira delas trata-se de um superfaturamento que resultou num prejuízo de R$ 408.754,99 ao tesouro público, devido ao pagamento de serviços em quantidades superiores às efetivamente executadas. O prédio foi inaugurado pelo governo estadual em janeiro de 2018. A unidade técnica do Tribunal identificou ainda que houve execução de projeto distinto do licitado na Concorrência Pública nº 33/2014, o que ocasionou pagamentos indevidos à empreiteira. De acordo com a 4ª ICE, "a execução da obra baseou-se em projeto de fundações com quantitativos de serviços menores do que os orçados na licitação, sem redução do preço da obra". Por fim, os técnicos do TCE-PR apontaram a existência de subcontratação não autorizada por parte da Construtora Guetter, já que a execução das fundações ficou a cargo da empresa Inácio Estaqueamento, que executou os "serviços de perfuração, armação e concretagem de estacas do tipo hélice contínua". Intimados, os interessados não se opuseram à cautelar proposta pela 4ª ICE e acatada pelo relator. O então diretor-geral da Paraná Edificações, Luiz Fernando de Souza Jamur, chegou a informar, na ocasião, que a autarquia havia instaurado procedimento para apurar os fatos e sancionar os responsáveis pelas falhas. Os responsáveis pediram ainda, de forma conjunta, que fosse celebrado Termo de Ajustamento de Gestão (TAG) com o Tribunal a respeito do caso. No entanto, o pleito foi indeferido pela decisão liminar, pois o procedimento não se aplica quando há indícios de desvio de recursos públicos, conforme normatizado pela Resolução nº 59/2017 do TCE-PR. A cautelar foi expedida pelo relator com base no artigo 53 da Lei Orgânica do TCE-PR (Lei Complementar Estadual nº 113/2005), que justifica a adoção da medida "quando houver receio de que o responsável possa agravar a lesão ou tornar difícil ou impossível a sua reparação". Fonte: GR Mais Noticias

ÚLTIMOS TWEETS

Ponte de ligação entre Pinho de Baixo e São Miguel, cede por conta do excesso de chuva https://t.co/2E0uKfvQkr
Leandre quer mais investimentos em média complexidade para os municípios https://t.co/bMhHfglO8E
Sessão Ordinária: ‘Filme Iratiense’, ‘Animais Abandonados’ e ‘Procuradoria da Mulher’ são temas da palavra-livre https://t.co/zEraVz0lQy
Follow Mega Irati on Twitter

Eventos

Domingueira com Garotos de Ouro - Park Dance 30-06-2019

É tchau pra quem namora! - Park Dance 29-06-2019

Domingueira com Grupo Minuano - Park Dance 23-06-2019

Festa dos Iludidos “Sua ilusão é a nossa diversão” - Park Dance 22-06-2019

Restaurante Italiano - 14-15 de Junho de 2019

Pizzaria Don Corlleoni -  14-15 de Junho de 2019

Restaurante e Pizzaria Templo da Pizza

Domingueira com Baitaca - Park Dance 09-06-2019

Pagofúnk com Banda Kaduká - Park Dance 08-06-2019

Show nacional Hungria - Park Dance 07-06-2019

I love Baile Fúnk - Park Dance 01-06-2019

Restaurante Italiano - 31 de Maio de 2019

© 2019 Portal Mega Irati All Rights Reserved.