Login to your account

Username *
Password *
Remember Me
Slider

Justiça Eleitoral ficará responsável por processos da Lava Jato que envolvem caixa dois

Março 15, 2019

De acordo com a maioria, nos casos envolvendo crimes comuns conexos aos eleitorais, prevalece a competência da Justiça Eleitoral

Por 6 votos a 5, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu ontem (14 de março) a favor da competência da Justiça Eleitoral para investigar casos de corrupção quando envolverem simultaneamente caixa 2 de campanha e outros crimes comuns, como lavagem de dinheiro,  que são investigados na Operação Lava Jato.

Com o fim do julgamento, os processos contra políticos investigados na Lava Jato e outras apurações que envolvam simultaneamente esses tipos de crimes deverão ser enviados da Justiça Federal, onde tramitam atualmente, para a Justiça Eleitoral, que tem estrutura menor para supervisionar a investigação, que pode terminar em condenações mais leves.

Durante dois dias de julgamento, votaram para manter as investigações na esfera federal os ministros Luís Roberto Barroso, Edson Fachin, Rosa Weber, Luiz Fux e Cármen Lúcia. Votaram pela competência da Justiça Eleitoral os ministros Marco Aurélio, Alexandre de Moraes, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes, Celso de Mello e o presidente, Dias Toffoli.

De acordo com a maioria, nos casos envolvendo crimes comuns conexos aos eleitorais, prevalece a competência da Justiça Eleitoral. Segundo os ministros, a Corte somente reafirmou entendimento que prevalece há décadas na sua jurisprudência.

 

fonte GR + Notícias

PROCURADORES

De acordo com procuradores da força-tarefa do Ministério Púbico Federal (MPF) que participam das investigações da Lava Jato,  o resultado terá efeito nas investigações e nos processos que estão em andamento nos desdobramentos da operação, que ocorrem em São Paulo e no Rio de Janeiro, além do Paraná. Cerca de 160 condenações poderão ser anuladas a partir de agora, segundo os investigadores. Para a Lava Jato, o resultado negativo poderá “acabar com as investigações”.

O julgamento também foi marcado pela reação dos ministros contra críticas dos procuradores aos integrantes do STF.

Em duas decisões, o presidente da Corte, Dias Toffoli, enviou uma representação no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e na corregedoria do Ministério Público Federal (MPF) contra o procurador da força-tarefa Diogo Castor. Na tarde de hoje, Toffoli abriu um inquérito para apurar notícias falsas (fake news) que tenham a Corte como alvo.

O ministro Gilmar Mendes também criticou os procuradores. “Quem encoraja esse tipo de coisa? Quem é capaz de encorajar esse tipo de gente, gentalha, despreparada, não tem condições de integrar um órgão como o Ministério Público”, afirmou.

Imperio Vidros
Mattos Areia
Grafica Baixinho Permuta
Grafica Garotinho Permuta
AB Moveis
Mecanica F1
RVS Auto socoro
Dental UNI
EB Exclusivas
Mecanica Steve
Templo da Pizza
Sonia Locacoes
Iracel Assistencia
Relojoaria Galvao
Pipo Pesca
Art Mix
Construtora Cathio
MEcanica Gomes

ÚLTIMOS TWEETS

Ponta Grossa - Prefeitura intensifica ações para doações de leite humano https://t.co/4kvp9WCHk6
Ponta Grossa - CPS realiza obras pela cidade https://t.co/Yoepmw5exa
Ponta Grossa - Prefeitura estende prazo de inscrições para os cursos de capacitação profissional da ‘Semana da Indú… https://t.co/s3OR4uGcic
Follow Mega Irati on Twitter

Eventos

Restaurante Italiano - 17 e 18 de Maio de 2019

Restaurante e Pizzaria Templo da Pizza

Pizzaria Don Corlleoni -  17 e 18 de Maio de 2019

Domingueira Duplex Chiquito e Bordoneio + TradSul - Park Dance 12-05-2019

Restaurante Italiano - 11 de Maio de 2019

Pizzaria Don Corlleoni -  10 e 11 de Maio de 2019

Fúnk-Me Ing R$10 - Park Dance 11-05-2019

Restaurante Italiano - 10 de Maio de 2019

Domingueira com Os 4 Gaudérios - Park Dance 05-05-2019

Pizzaria Don Corlleoni - 03 e 04 de Maio de 2019

Restaurante e Pizzaria Templo da Pizza - 3 e 4  de Maio de 2019

Show nacional Jhowzinho e Kadinho - Park Dance 04-05-2019

© 2019 Portal Mega Irati All Rights Reserved.